Um bulldog chamado MOU

mou1
.
“Vou narrar um acontecimento que talvez seja o primeiro entre os bulldogs. Moro em um condomínio fechado em Gravataí, RS. Tenho um Bulldog chamado MOU. Tem 3 anos e é uma simpatia. Adora crianças e adultos em geral. A única coisa a qual não gosta é ver pneu de carro rodando. Poisd bem, eu estava passeando com ele e um segurança do condomínio parou uma WV Saveiro para cumprimentar o Mou. Ele simplesmente deu uma mordida rápida nos pneus dianteiro e traseiro esquerdos. Os pneus não só furaram como ficaram inutilizados porque ele rasgou os dois. Tive que comprar dois pneus  e o borracheiro disse que nunca tinha visto nada igual. A segurança do condomínio inclusive guardou os pneus para mostrar.
Atenciosamente,  Gitibá Guichard Faustino”
.
mou2
.
OBS: Mou está procurando namorada, interessadas entrar em contato pelo e-mail gitiba@terra.com.br

Donos de primeira viagem

Orientações para o filhote

Um cãozinho novo em casa traz consigo muitas alegrias e expectativas, assim como muitas dúvidas e incertezas. Este post tenta dar uma ajuda para aqueles que são pais de primeira viagem.

Vacinas: A aplicação da vacina deve ser realizada por médico veterinário após exame clinico. Animais com qualquer tipo de alteração na saúde, como vômitos, fezes moles, febre ou falta de apetite não devem ser vacinados e sim examinados para verificação do problema. Neste caso pode ser necessária coleta de exame de sangue e fezes.

  • Vacina Polivalente – é uma das vacinas obrigatórias do animal, são três doses iniciais. Previne contra inúmeras doenças, dependendo da vacina faz a prevenção contra 8 ou 10 doenças. Esta prevenção inclui a parvovirose e cinomose, conhecidas doenças dos filhotes que afligem os donos. Geralmente a primeira dose é administrada com 45 dias de vida, a segunda aplicação com 66 dias e a ultima dose com 87 dias de vida. Ou seja, as aplicações são feitas com 21 dias de intervalo (alguns veterinários optam por intervalos de 30 dias). O animal é considerado imunizado após 15 dias da última dose do produto, então se aconselha o filhote ser liberado para o contato com outros cães e passeios após imunização completa. Faz-se reforço anual com uma dose da vacina.
  • Vacina da Raiva – também é uma das vacinas obrigatórias do animal, deve ser administrada após os 4 meses de vida em dose única. Faz-se o reforço anual com aplicação de uma dose do produto.
  • Vacina da Tosse dos Canis – pode ser aplicada após as 8 semanas de vida, a apresentação injetável do produto exige duas aplicações com intervalos de 21 a 30 dias. Previne a traqueobronquite infecciosa canina conhecida como gripe canina ou tosse dos canis, muito pertinente no caso dos animais braquicefálicos (bulldog, pug, shih-tzu). Faz-se o reforço anual com aplicação de uma dose do produto.
  • Vacina da Giardia – pode ser aplicada após as 8 semanas de vida em duas aplicações com intervalo de 21 dias. O reforço se faz anualmente com uma dose do produto. Esta vacina faz a prevenção da giardíase, doença intestinal causada por um protozoário que leva a fezes pastosas com presença de muco (e, às vezes, sangue) e vômitos, entre outros possíveis sinais.
  • Vacina da Leptospirose – a vacina polivalente anteriormente descrita inclui a prevenção de algumas cepas da leptospirose, para se obter uma prevenção mais ampla que inclua outras cepas podemos utilizar esta vacina. Aconselha-se sua administração seis meses após a aplicação da polivalente ou conforme prescrição do veterinário. O reforço é anual em dose única.

Vermífugo: Sua administração varia de acordo com a prescrição do veterinário assim como com a apresentação do medicamento. Por exemplo em alguns vermífugos fazemos as primeiras aplicações na 3ª, 6ª e 9ª semanas de vida e quando o animal é adulto a cada 3 meses repetindo a aplicação em 15 dias.

Antipulgas: Deve ser aplicado após seis semanas de vida, geralmente previnem contra pulgas, carrapatos e alguns vermes intestinais. A maioria tem aplicação pour-on, ou seja, aplicação da pipeta na pele do dorso do animal. Dependendo do produto faz prevenção do verme do coração (dirofilariose) e de mosquitos também. Aconselha-se administração mensal.

Banhos: A orientação veterinária deve ser seguida também neste caso, já que muitas vezes o banho é contra-indicado em determinado momento. Nestes casos podemos incluir climas frios, animais com flutuação da imunidade, cãezinhos doentes. A liberação para banhos em pet shop vem com a imunização inicial completa, ou seja, após 15 dias depois da ultima dose da vacina polivalente.

Dra. Viviane Dubal – CRMV/RS 8844

Formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e proprietária da Clinica Veterinária Saúde Animal em Porto Alegre. Contato: vivianesd@bol.com.br

Amor platônico

amor platônico

Olá! Sou fã do Bull Blog e gostaria de deixar meu depoimento sobre o amor que sinto por essa raça.
Essa história começa quando me casei, há 3 anos. Meu marido e eu somos de Florianópolis. Sempre caminhávamos perto de casa e, um dia, reparamos num cachorro muito engraçado, que viva no quintalzinho de uma casa. Um dia chegamos perto, chamamos e ela veio. Fiquei impressionada com a meiguice desse cãozinho, uma Bulldog chamada Lindinha.
A foto registra esse momento em que ela gruda na grade pra receber carinho. Me apaixonei na hora!!
A partir daí, virou um amor platônico pela Lindinha. Passava lá todos os dias, mas o dono só olhava da janela com cara feia.
Meu marido e eu nos mudamos pra São Paulo capital. Viemos por motivos profissionais. Não temos muitos amigos por aqui, já que nos mudamos há menos de 6 meses. Moramos em uma kitinete. De um jeito muito natural (e engraçado) criamos nosso bulldog imaginário, a Gorda. Ela tem muita personalidade e está sempre conosco! Os vizinhos devem ouvir a gente falando com ela e acham que somos loucos. Enfim, loucura ou não, esse foi o jeito para extravasar essa vontade que sentimos de ter um bulldog. Como não temos grana e moramos em um lugar pequeno, nós demos esse jeito e vamos sonhando em criar um ambiente perfeito pra chegada dela (ou dele). Nos preocupamos com seu bem-estar, pois aprendi muito sobre os cuidados da raça aqui no blog. Enquanto isso, vamos adiando esse nosso sonho, mas esperamos que um dia ele se concretize!
Um beijo a todos,
Paula, Pedro & Gorda.


Notícias Danka

A Danka continua com a prótese colocada em março, que tinha como objetivo alongar sua pequena pata. Os alongamentos foram feitos até onde era possível, pois os ossinhos começaram a entortar. Como nesses meses ela cresceu os poucos centímetros obtidos com todo o processo de distração/alongamento não foram muito significativos. De forma geral não tivemos ainda um retorno positivo da cirurgia e de todo o processo, pois até o pezinho que nasceu torto e foi colocado no lugar não teve a parte fraturada consolidada com o resto da perninha.

Tivemos uma consulta no ultimo dia 14 e temos outra hoje, quando o Dr. Cássio já terá analisado a última radiografia feita e nos dará uma posição sobre os próximos passos. A intenção é retirar o Ilizarov e deixar um pouco a pata dela “livre”, para ver como se comporta, e é isso que desejo pois a infecção insistente não passa e já começou em outro local.

Neste momento não sabemos se a pata tem chance de ser salva. Só nos resta esperar. Por causa da infecção os curativos são trocados diariamente e o uso dos medicamentos é ininterrupto.

Apesar disso ela tem um ótimo humor e é uma bulldoguinha doce e adorável. Como já mencionei em outro momento, não me importa e nem à minha família se ela conseguirá manter as 4 patas ou se ficará com 3. O que queremos é que ela fique bem e ao nosso lado, pois tudo que puder faremos para que ela tenha uma vida longa, confortável e feliz.

Quando tiver mais notícias a respeito eu atualizarei os amigos novamente.

Danka aguardando a consulta na USP…

Em casa dormindo com seu “irmão”  Juca

Brincando…

E dando um beijo na mamãe….

Zeus

Zeusmlindo

Foi a melhor decisão que tomamos, trazer para casa nosso fofão Zeus. Ele está com 2 anos e 2 meses e pesa 30kg… um grande e amoroso amigo em nossas vidas. Extremamente companheiro e carinhoso, o Zeus e um filho, com certeza.

Nem sempre corajoso, tem medo de sacos plásticos e vassouras. o resto, além da grande curiosidade … nao se intimida com nada… só faz o que quer e na hora que resolve, me parece que pensa muito antes de obedecer ou tomar alguma decisão. Onde vou ele vai atras e quando cansa, vai para a caminha, deita e normalmente dorme, e como dorme e ronca…quando chamo a atenção dele por algo fica triste, quieto e me olha de vez em quando de canto de olho como quem diz: “vai mummy, faz um carinho em mim”…nao resisto e depois de uns minutos vou la, abraco, beijo e faço muito carinho… quando quer brincar vai correndo pegar seu brinquedo preferido, uma roda de borracha forte, pula feito um cabrito, é muito engraçado e eu tenho que brincar, arrastando-o pela casa através da roda… me divirto com esse amigão! rsss…

No momento está louco por uma namorada, o que infelizmente é muito difícil… só dá macho por aqui!

Zeus, sem nenhuma duvida, trouxe muito amor para  nossas vidas… um amigo fiel, um amor incondicional, um pedaco enorme de todos da nossa casa… Não imaginamos nossas vidas sem ele. Parabéns pela ideia do blog e da comunidade, da qual  sou sócia no Orkut e um excelente ponto de encontro para troca de ideias e ajuda… AMEMOS MUITO NOSSOS BULLS.

Erizeuda Abath França

Semental, o site que estava faltando!

banner_semental_email(1)

Esta é mais uma dica de site que certamente vai interessar a toda a comunidade bulldogueira, pois trata-se do primeiro site com cadastro de padreadores de todas as espécies e, como não poderia deixar de ser, alguns dos melhores bulldogs do Brasil já fazem parte do site SEMENTAL, com informações, fotos, vídeos, pedigrees e muito mais. Além de constituir uma valiosa ferramenta de pesquisa sobre bons exemplares da raça e sua respectiva produção, o site trará também notícias do meio cinófilo, além de dicas e artigos de profissionais da área de reprodução animal. Vale a pena conhecer o site  www.semental.com.br.

giba-criadorcolaborador

Gilberto Medeiros

Colaborador do Bullblog e Criador de Bulldogs desde 2003

Canil Reserva do Rei

3ª Copa Carioca ABRABULL

3ª Copa Carioca ABRABULL

Vai acontecer dia 22/8! Especializada será julgada pelo especialista Sr. Marcello Mesquita Convidamos todos sócios a prestigiarem a 3ª Copa Carioca ABRABULL, que será realizada dia 22 de agosto (sábado), com apoio do Sul Fluminense Kennel Clube.

O local será o pavilhão de exposições da Ilha de São João, em Volta Redonda-RJ e o início do evento está marcado para as 7h.

Para inscrições e maiores informações, acessem o Dogshow. O juiz será o experiente criador Marcello Mesquita (Canil MACM), que por 8 anos foi consagrado como melhor Criador do Brasil.

Programação da 3ª Copa Carioca ABRABULL:

  • Dia 19 (quarta): 18h Encerramento das incrições – IMPRETERIVELMENTE!!
  • Dia 21 (sexta): 19h PALESTRA com o juiz-criador Sr. Marcello Mesquita. Titular do Canil MACM, reconhecido internacionalmente (http://www.mesquita.com), com uma experiência de 20 anos na Raça.                                                 Palestra gratuita e exclusiva para associados ABRABULL. O evento será no Hotel DEXTER – Reservas para hospedagem Tel. ( 24 ) 3345-3000                                                                                                                                                            *Solicitamos que os interessados em assistir a palestra, enviem um e-mail para contato@abrabull.com.br para que tenhamos noção do número de participantes. 21h Jantar de Confraternização ABRABULL
  • Dia 22 (sábado): 7h início da ESPECIALIZADA / 9h início das exposições gerais

Inscrições diretamente com o Sul Fluminense Kennel Clube, através do Fax (24) 3343-4356 Tel para informações: 9951-2242 (Elson)

VALOR: R$90,00 (todas as classes)

Dados para depósito bancário: BANCO DO BRASIL (AG : 0262-3 Conta:5027-X)

Contamos com a presença de todos!

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 249 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: