10 segredos que seu cão nunca contaria.

311789_463969683672020_1687449132_n

Os animais se comunicam de diversas formas, mas nem sempre é o suficiente para entendê-los, não é? Quando se trata de saúde e bem-estar, fica mais ainda complicado reparar quando eles não estão bem. Afinal, eles não falam. Seria fantástico se eles conseguissem nos descrever o que estão sentindo. Mas animais que falam só nos contos de fadas, se falassem, também não diriam. Descubra dez segredos que o seu cachorro não contaria nem em sonhos:

“Estou machucado”

Identificar quando seu animal está sentindo dor pode não ser uma tarefa muito fácil.Os bichos são ótimos atores e escondem quando algo não está bem. Trata-se de algo ancestral e instintivo. Quando está fragilizado, ele fica vulnerável para predadores, que pressentem a fraqueza.

“Estou com coceira”

Em muitas ocasiões, os donos de pets só se dão conta que o animal está sofrendo de algum problema dermatológico, quando feridas e falta de pelos ficam visíveis. Antes de chegar a esse estágio, os cachorros dão sinais que estão com coceiras. Se seu cachorro se morder ou se coçar, preste mais atenção nele. Se passar do limite do bom senso, leve-o ao veterinário.

“Você está colocando mais comida do que preciso”

Cães e gatos sempre vão comer o quanto que você colocar, mesmo que seja a mais do que é necessário. Você, por acaso, consegue imaginar o seu animalzinho recusando comida? Acredite, cães, gatos, cabras e cavalos são capazes de comer até a morte.

“Estou cansado”

Às vezes, os donos acham que o seu bichinho está amuado, com calor e até simplesmente cansado. É preciso tomar cuidado. Cansaço pode esconder doenças sérias e graves, como diabetes, anemia, osteoporose, doença no coração, câncer, entre outras. Se você desconfiar que seu animal está cansado demais, leve-o à uma consulta ao veterinário.

“Você está embaçado”

Será muito difícil conseguir reparar que o seu animal está com problema de visão. Quando acontece uma cegueira súbita, fica mais fácil reparar alguns sinais. Mas quando o pet perde gradativamente a visão, o início, principalmente, é quase imperceptível. O motivo da dificuldade de os donos não repararem que o pet está com dificuldade de enxergar é que eles se adaptam muito bem à nova condição.

“Estou enjoado”

Realmente é muito difícil conseguir descobrir quando o animal está enjoado. Geralmente, os donos só reparam que há alguma coisa estranha quando eles vomitam. Se o seu animal de estimação estiver salivando ou lambendo os lábios constantemente, pode ser que esteja enjoado.

“Estou com calor”

Assim como você nunca ouvirá o seu animal dizer que “você colocou comida demais para ele”, ele também nunca dirá que “está com calor e cansado para brincar ou passear”. Os animais irão aguentar a caminhada ou a brincadeira até chegarem à exaustão. Por isso, quando o animal ficar para trás, seja numa caminhada, corrida ou brincadeira, significa que chegou a hora de parar.

“Minhas patas estão queimando”

Os cães vão andar em calçadas quentes por horas, se precisar, sem reclamar. Mas é preciso tomar cuidado: as almofadinhas das patas queimadas doem demais e demoram para cicatrizar.

1608_503651116370543_370824082_n

“O que você disse?”

Perda de audição é uma das coisas complicadas– talvez a mais difícil – de descobrir. É necessário descobrir sozinho com vários testes, ao menor sinal de desconfiança.

“É a minha barriga ou são as minhas costas?”

Outro problema muito difícil de descobrir. Quando os cachorros têm dores nas costas eles se comportam como estivessem com dor de barriga e vice-versa. Os sintomas de que algo não está bem (ou na barriga, ou nas costas) vão de calafrios e tremores a deixar de pular e correr. No geral,eles não agem normalmente. Outra coisa visível é que um animal com dor na barriga ou nas costas age negativamente se apanhados por baixo.

Colaboradora Eduarda Volpatto - Bulldog Club e Bullblog

Colaboradora Eduarda Volpatto – Bulldog Club e Bullblog

btn_donateCC_LG120x53-doar

One Response to 10 segredos que seu cão nunca contaria.

  1. Thamires Carla disse:

    Exagero falar que cachorros podem comer até a morte. Quando faço viagens curtas eu deixo comida a vontade pro meu cachorro, e não vejo ele comer até a morte. Admito que comida demais regularmente engorda o cão, mas comer até a morte é muito exagero.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *