Novidades do mundo pet.

O Brasil é o quarto país em população total de animais de estimação e o segundo em cães e gatos. Dados da Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet) estimam que o país tenha mais de 37,1 milhões de cachorros e 21,3 milhões de gatinhos. Quando peixes e aves entram na conta, o cálculo chega a 106,2 milhões de mascotes.

A associação estima que o faturamento do mercado pet em 2014 chegue a R$ 16,63 bilhões, sendo 70% do segmento de alimentação. Em seguida, os serviços devem contribuir com 17% da receita. Atentos a esse potencial, empreendedores criativos lançam novos produtos e serviços e apostam na paixão que brasileiro tem pelos seus bichinhos. Veja algumas facilidades no mercado em Curitiba e região.

Foto: Eduarda Volpatto

Foto: Eduarda Volpatto

Sorria, bicho!

Joana Ferreira Alves e Calliandra Anderle são parceiras na Click Pets, empresa especializada em fotografia de animais. O negócio começou há dois anos, para registrar as peripécias dos próprios bichinhos. Hoje, elas atentem a particulares e empresas, para peças publicitárias de pets shops, fábricas de acessórios e alimentação.

A sessão dura pelo menos uma hora, mas a dupla fica o dia todo em contato com o bicho para estabelecer confiança e deixar o animal à vontade. São pelo menos três categorias de trabalho para particulares: o mini ensaio, com 10 fotos, por R$ 348; o ensaio pet, com 30 fotos , por R$ 750 e o ensaio da melhor idade, para bichos idosos, com 15 fotos e quadro de 20×40, por R$ 450. Mais informações no site www.fotografiadeanimais.com.br ou pelos fones (41) 9684 7388 e (41) 9986 6754.

Passeio de carro e a pé

Há um ano, Katiane Gil da Silva abriu o serviço de táxi para cachorro. O Táxi Dog é acionado mediante agendamento para transporte de cães e gatos para o veterinário, banho e tosa, exposições e viagens. Os bichinhos são levados em caixas apropriadas para o transporte. Em média, o preço da corrida custa R$ 2,50 por km rodado e é possível pagar no cartão. O marido de Katiane, Leandro, também é adestrador e presta serviço de dog walker. Por R$ 30 a diária, ele busca o bicho na casa do proprietário, ou na hospedagem, em caso de viagem do dono, para um passeio mínimo de meia hora. Informações pelos fones (41) 9673-6103 e 8827-0861.

Outras duas empresas prestam serviço semelhante na capital. A Taxi Dog Curitiba cobra R$ 3,20 por km rodado, e também realiza transporte do bichinho para outra cidades, em caso de mudança, por exemplo. Funciona 24 horas e fica na Rua Desembargador Clotário Portugal, 155. Informações pelo fone (41) 3599-8333.

O Petti Táxi trabalha com preços fechados, de acordo com o deslocamento. Entre o Água Verde e o Centro, por exemplo, o serviço de leva e trás para acompanhamento em consulta veterinária fica em R$ 80. A empresa fica na Rua Anne Frank, 4.441, no Hauer. Informações pelo fone (41) 3286-7406.

Blog-Sobre-Caes-e-Gatos-Tigrinho

Babá de cachorro

Ana Mari Coelho sempre gostou de cachorro e sentia necessidade de um serviço de companhia para a sua Cherry. Há dois anos, quando veio de Balneário Cambouriu para morar em Curitiba, decidiu apostar no cuidado com os cães como negócio. Ela presta serviços de pet sitter. Em média, cuida de dez animais por semana, entre gatos e cachorros. Os valores são negociados conforme a distância e quantidade de animais que ela vai cuidar. A partir de R$ 30, ela visita o bichinho na casa do proprietário por uma hora, onde providencia água, alimentação, ministra remédios e a limpeza do local e faz companhia. Informações pela fanpage www.facebook.com/AnaPetSitter ou pelo telefone (41) 9645-4442.

Até depois do fimO crematório Pet Céu está em atividade há quatro anos. Oferece dois tipos de cremação. Na individual, a empresa cumpre rituais semelhantes ao da cremação de humanos, com urna funerária, documentação do procedimento, sala de despedida e depositório de cinzas no local, como um cemitério vertical. Na modalidade coletiva, os animais são armazenados em câmara fria sob congelamento e a cinza é descartada, conforme legislação ambiental. Os contratos também podem ser feitos em planos preventivos, em que o cliente paga antecipadamente os pacotes, em até 10 vezes sem juros. A empresa assume a remoção do bichinho e trabalha em esquema de plantão. Os valores variam de R$ 450 a R$ 660, na modalidade individual e de R$ 175 a R$ 320, na coletiva, conforme o peso do animal. O Pet Céu fica na Rua Helena, 51, em Pinhais. Informações pelo fone 3668-5858 ou no plantão 9806-9494.

Quintal pra brincar

No início, a proposta da Acãodemia era para reabilitação de animais domésticos em tratamento veterinário. Hoje em dia, a empresa presta serviços de creche para animais, em que os bichinhos ficam em atividade ao ar livre, permanentemente, em uma área de 200 m². O foco agora são cães de pequeno porte, que vivem em apartamento. São mais de 40 bichos atendidos por dia. A diária custa R$ 25, mas há descontos progressivos, conforme a frequência e os serviços utilizados no local. A Acãodemia fica na Brasílio Itiberê, 4.057 e funciona de segunda a sexta, das 9 às 19 horas e aos sábados, das 9 às 17 horas. Informações pelo fone 3018-1841.

Cachorro no divã

Com especialização em comportamento de cães e gatos, a futura veterinária Daniele Graziani trabalha como terapeuta de cães. Desde criança ela estuda sobre comportamento e adestramento e hoje ajuda proprietários a mudar atitudes indesejadas, como agressividade ou medo excessivo. A terapia exige de quatro a oito sessões, de uma hora por semana. O dono recebe orientações que precisa aplicar na rotina com o bicho. O atendimento é feito em consultório, mas pode ser em domicílio. Uma sessão individual custa R$ 100, mais R$ 20 de taxa de deslocamento, se for necessário. O pacote com quatro sessões custa R$ 380. O consultório fica na Rua Vicente Machado, 2.805. Informações pelos fones 3014-9014 e 8872-0996 ou no site www.terapeutacanina.com.br

Caminha especial

A Metal Pet é especializada em materiais veterinários e criou cinco modelos de camas tubulares para bichinhos de estimação. As estruturas também são produzidas em cinco tamanhos diferentes, a partir de 50x50cm, até 1x1m. Como ficam suspensas do chão, ajudam a evitar a umidade em contato com o corpo do bicho. É feita em aço, com kit de estofamento, e custa entre R$ 200 e R$ 550 para o consumidor final. A empresa fornece para pet shops e não aceita encomendas de modelos fora de catalogo. A Metal Pet fica na Rua Lamenha Lins, 1350. Informações pelo fone (41) 3016-2576 ou no site www.metalpet.com.br

Tudo limpo e cheiroso

A Lav Zoo é especializada na higienização do enxoval dos pets. Caminhas, cobertores, bichos de pelúcia e toalhas, que também são locadas para os pet shops que fazem banho e tosa. A limpeza das caminhas custa a partir de R$ 25. Cobertores, a partir de R$ 12, pelúcias a partir de R$ 15. As toalhas custam R$ 2. É possível levar os produtos até a lavanderia ou entregar nos pets conveniados, que utilizam os serviços da Lav Zoo. A empresa fica na Rua Lindolfo Pessoa, 476, no Seminário. Funciona das 8h30 às 18h30 e aos sábados, das 8h30 às 13 horas. Informações pelo fone 3078-4688.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>